quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

{Te lo dirò} Livros interativos: uma nova moda literária

Foi-se o tempo em que os livros eram somente aqueles que continham nossas tão amadas histórias. De Destrua este Diário a Jardim Secreto, os livros interativos estão surgindo cada vez mais e com mais variedade em questão de interatividade, seja para colorir (os famosos livros antiestresse) ou para completar mini desafios, como o Livro de marcar livros. São tantas opções de livros interativos que a gente fica até em dúvida de qual escolher :P E nessa indecisão, acabei optando por quatro livros, que comprei ao longo do ano quando surgia uma promoção *-*
Primeiro vou falar dos livros para colorir que eu comprei. São esses aí da foto ^-^
O primeiro que adquiri foi o Floresta Encantada, segundo livro da autora Johanna Basford (a mesma do Jardim secreto, lançado esse ano pela editora Sextante/Arqueiro). Logo assim que o primeiro livro foi lançado, não dei muita atenção. Porém, depois de ver alguns desenhos já coloridos pela Internet, fiquei curiosa para saber como ele era e também encantada com a criatividade da galera que estava pintando ele *-* Então, quando saiu esse segundo livro, aproveitei que tinham acabado de chegar alguns exemplares dele na livraria onde eu trabalhava e separei um pra mim. Fiquei logo apaixonada pelos desenhos e pelas possibilidades de pintura que poderia fazer com cada um.
Esses foram dois desenhos que eu colori. Cheguei pintar alguns outros, mas ainda tem um monte de desenho em branco só esperando os lápis de cor para darem mais vida a eles *-*
O segundo livro de colorir que eu comprei é sobre, advinha? Gatos \0/ Não é mistério pra ninguém que eu sou apaixonada pelos bichanos (tenho cinco peludos em casa), e quando vi que a Galera Record havia lançado esse não pensei duas vezes: corri pra garantir o meu.
É cada desenho mais bonito que o outro; e o legal é que não vem apenas o gato (ou gatos) por página para você colorir: é todo um cenário, às vezes surreal, onde o bichano é o centro do desenho que se complementa com os elementos a sua volta. E o diferencial desse livro é que as imagens vêm somente de um lado da folha, o que te dá a possibilidade de tirar essas folhas após colori-las para usar como decoração ou para presentear alguém, por exemplo - e na parte de trás da folha, que vem em branco, tem aquele desenho da tesourinha com pontilhado indicando onde você pode recortar. Eu ainda não fiz isso, mas pretendo fazer com alguns desenhos que for colorir para presentar (já pintei um assim, só falta recortar).
Saindo um pouco (ou totalmente) dos livros de colorir, comprei esse ano também esses dois livros da foto.
O primeiro deles, o livro do bem, consiste em mini desafios para deixar a vida mais feliz (como diz na capa ^^). Criado pelas talentosíssimas Ariane Freitas e Jessica Grecco, do Indiretas do Bem, uma página muito legal (e fofa), famosa pelas "indiretas do bem" (fotos com frases positivas dando aquela indireta para seus amigos, familiares e afins) publicadas pelo instagram e facebook, o livro nos estimula a realizar pequenas tarefas que alegraram nosso dia e dos que estão a nossa volta.
Dividido em capítulos, onde cada um possui um "tema" (entre eles, o amor), o livro conta com playlists, receitas, páginas com desafios de escrita, desenho e pintura, que podemos compartilhar pelas redes sociais com a tag #livrodobem - causando interatividade também entre os leitores do livro. É muito amor ♥
Por fim, o último livro que comprei foi o Livro de marcar livros, lançado pela editora Verus na época da Bienal do Livro Rio 2015. Ele conta com pequenos desafios perfeitos para nós, leitores, como ler livros dos ganhadores dos prêmios Nobel de Literatura (desde seu surgimento, em 1901), do prêmio Jabuti, além de listas para preenchermos com as leituras que fizemos em determinado período, livros que pretendemos ler em outro período, livros que foram adaptados para o cinema, entre outras bem legais.
Ainda estou preenchendo meu livrinho, sem pena de escrever, marcar e até pintar algumas partes ^-^ 
O mais legal que todos esses livros nos proporcionam é a oportunidade de "romper" a barreira livro-leitor, fazendo com que a gente se sinta parte daquilo tudo (como parte de uma história, seja a de nossas leituras, de nossos sonhos, nossos desejos... enfim, a nossa história). Espero profundamente que essa moda continue cada vez mais, sem que deixemos de lado, é claro, nossos amados livros "convencionais".

2 comentários:

  1. Oi Isabelle! ^^
    Eu também não resisti aos livros de colorir. Os outros ainda não aderi. Achei interessante esse livro de marcar livros. Apesar de não gostar de seguir metas para nada, esse parece ser interessante talvez até mais como um histórico do que você anda lendo.

    Beijos;

    Blog: http://hipercriativa.blogspot.com.br/
    Wattpad: https://www.wattpad.com/user/helainaideas
    Fanpage: https://www.facebook.com/BlogMenteHipercriativa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helaina. Obrigada pela visita ^-^
      Os livros de colorir são "muito amor" <3 Tô louca pelo lançamento do de colorir de "Harry Potter" (espero que lance logo no Brasil *-*). O "livro de marcar livros" é tipo um skoob de papel; tô amando *----*

      Excluir