terça-feira, 17 de maio de 2016

Resenha {Livro} - Garota Exemplar (Gillian Flynn)

Amy e Nick Dune eram o que todos podiam chamar de “casal perfeito”. Casados há quase cinco anos, os dois levavam uma vida rotineira e tranquila. Os dois haviam se conhecido numa festa de amigos e logo se encantaram um pelo outro, o que levou a um romance duradouro e posteriormente ao casamento. Após ambos perderem seus empregos na cidade de Nova York, e Nick descobrir que sua mãe estava muito doente, eles decidem voltar à cidade onde Nick crescera para que ele pudesse, junto com sua irmã Go, ajudar sua mãe.
Tudo parecia bem até que, no dia do 5° aniversário de casamento dos dois, Amy some repentinamente, deixando Nick preocupado com o que possa ter acontecido com ela. Porém, mesmo parecendo preocupado, Nick assumiu uma atitude um tanto calma sobre a situação, o que o leva a ser o principal suspeito de sequestro de Amy.

“Flashes disparavam. Eu me virei e vi holofotes. Era surreal. É o que as pessoas sempre dizem para descrever momentos que são apenas incomuns. Pensei: Vocês não têm ideia do que é surreal, cacete [...]”
(Gillian Flynn, p.76)

Para “completar” a situação em que Nick se encontra agora, os país de Amy são ricos e muito famosos graças à sua própria filha, protagonista da série literária best-seller dos dois: Amy Exemplar, que criou uma imagem de pessoa perfeita para Amy ao longo dos anos. Mas será que Amy é mesmo tão perfeita quanto muitos imaginam?
Narrado sob o ponto de vista dos protagonistas, alternando os capítulos entre Amy e Nick, Garota Exemplar foi um daqueles livros que me deixou realmente intrigada com quem estava contando a verdade. Nunca confie no narrador, especialmente se forem dois! Eu sentia raiva dele em alguns momentos, e em outros sentia raiva dela. E pena e/ou compaixão por ambos. 

A história, no geral, é muito bem desenvolvida, rica em detalhes e a partir da metade do livro passa a ter um ritmo que não te deixa largar o livro até as páginas terminarem - e digo a partir da metade porque o começo é um pouco lento, mas nada que atrapalhe muito a leitura.

Confesso que quando ouvi falar do livro pela primeira vez (Valeu, Carla!) não achei a história muito interessante. Porém, ao assistir ao filme no ano passado, me empolguei bastante em ler; e agradeço mais uma vez à minha amiga por ter me emprestado esse livro fantástico!
Leiam! Vocês não irão se arrepender! E assistiam ao filme também, pois está perfeito!

443 páginas | 1° edição | 2013 | Intrínseca





2 comentários:

  1. Vou seguir seus passos, esse livro nunca chamou muito a minha atenção, então verei o filme e se me sentir atraída pelo enredo e ficar curiosa por mais detalhes prometo que colocarei o livro na lista de próximas leituras. Beijos e valeu pela dica!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amiga, obrigada pela visita e pelo comentário ^^
      Leia e veja sim, pois ambos valem à pena *-*

      Excluir